Porto Alegre, Alegre Porto

Porto Alegre, Alegre Porto

por Beta Lima

Minha cidade por vezes me passava despercebida, relegada ao comum. O dia a dia tinha o poder de tirar a cor do meu querido e Alegre Porto.

O estrangeiro, este sim é colorido e curioso! Ah, ledo engano! Pois quando estive em Londres me apercebi deste erro. Estava lá longe conhecendo com curiosidade cada rua, cada parque, cada prédio histórico. E lindo é. Maravilhosa experiência. Mas percebi com tristeza que não conhecia tanto de minha própria cidade.

Logo após meu retorno, conheci meu namorado, Vitor, que é de cidade vizinha a minha, Novo Hamburgo, e ele foi desde sempre muito interessado quanto ao meu Porto Alegre, querendo conhecer cada canto e tudo perguntando, com sua vivaz curiosidade. Passei a me inteirar cada vez mais dos passeios turísticos, das rotas, das possibilidades e lugares. Pegava carona em seu olhar de “turista” encantado para conhecer minha cidade. Juntos conhecemos as histórias do meu Porto amado, lugares novos, lugares “enmesmados” sob novos olhares, cantos e encantos deste Porto novamente Alegre. E quando ele começava a ficar acinzentado esfregava forte os olhos para que o cotidiano não me cegasse.
Compreendi assim: novos pontos de miragem fazem a perspectiva ideal para meu Porto nunca mais perder, para mim, sua cor e sua e minha alegria.

Leia mais sobre Porto Alegre em Rio Guaíba e seus segredos – A vida a bordo de um veleiro

One thought on “Porto Alegre, Alegre Porto

Deixe uma resposta