Porto União

Separado do Paraná por uma simples linha férrea, Porto União convive com União da Vitória como se ambas fossem uma só cidade.

Fundada em setembro de 1917, Porto União tem colonização alemã e destaque para as demais etnias que a compõem: polonesa, austríaca, russa, ucraniana e libanesa.

Indústrias de derivados de madeira e de alimentos, agricultura, piscicultura e pecuária leiteira são sua base de sustentação econômica.

Porto União tem quase 32 mil habitantes, está localizada na Região do Contestado, a 445km de Florianópolis e 752 m de altitude.

Porto União nasceu em 1917, como conseqüência do acordo de limites entre Paraná e Santa Catarina.

Entretanto, sua História começa em 1842, com a descoberta do vau do Rio Iguaçu – lugar onde a água é pouco profunda, facilitando a passagem das tropas que vinham dos campos de Palmas.

Esse era também o ponto de embarque e desembarque para quem usava o Rio Iguaçu como via de transporte, daí o primeiro nome: Porto da União. Em 1855, tem a denominação alterada para Porto União da Vitória. Em 1881 tem início a navegação a vapor no Rio Iguaçu, com o transporte de carga e de passageiros.

A partir de 1886 chegam os primeiros colonos de origem européia, na maioria alemães, e mais tarde aportam outras etnias: poloneses, ucranianos, austríacos e russos. No início do Século XX chegam os libaneses.

A cidade desenvolve-se e, em 1901, é criado o município de União da Vitória. Em 1912 estoura a Guerra do Contestado, que se prolonga até 1916. Em 05 de setembro de 1917 é criado, do lado catarinense, o município de Porto União que, a partir daí, se integra com a parte da cidade que ficou do lado paranaense.

Deixe uma resposta