Bom Retiro

Bom Retiro tem, no Campo dos Padres, a 1.827m de altitude, uma das mais ricas reservas históricas do município. Tendo a Agropecuária como sua principal atividade econômica, a cidade, fundada em 04 de outubro de 1922 e hoje com quase 8 mil habitantes, tem o turismo como uma alternativa importante como fonte de renda e potencial de desenvolvimento.

Com uma colonização apoiada nas imigrações italiana e alemã, está localizada no Planalto Serrano, na microrregião dos Campos de Lages, a 134km de Florianópolis.

Embora com clima Mesotérmico úmido, verão fresco e temperatura média de 19°C, tem inverno rigoroso por sua altitude de 915m acima do nível do mar.

Suas cidades circunvizinhas são: Alfredo Wagner, Urubici, Bocaina do Sul, Rio Rufino. Está numa rota muito bonita que, passando pela Serra do Rio do Rastro, nos leva até Lages.

Os campos de Bom Retiro foram descobertos por volta de 1787, quando o alferes Antônio Marques D’Arzão foi incumbido pelo governo de Desterro (hoje Florianópolis) de abrir uma estrada ligando o litoral e o planalto, partindo de São José e chegando até Lages. As obras foram concluídas em 1790. O nome Bom Retiro foi dado pelo próprio D`Arzão, que considerava a região “um lugar calmo, um bom retiro”. A colonização do local, porém, foi lenta. D`Arzão mandou seus escravos construírem um quartel e uma estrada de 06km de extensão na localidade, mas o local foi abandonado e só muito tempo depois a estrada foi reaberta. Bom Retiro foi elevado à categoria de município em 04 de outubro de 1922, durante o governo de Hercílio Luz.

Durante muito tempo, Bom Retiro viveu da extração da madeira, especialmente a araucária. Hoje, o forte de sua economia é a agropecuária. O município é o maior produtor de cebola da região do Planalto, o maior produtor de vime do Brasil e sua maçã-gala é considerada a de melhor qualidade no País. Criam-se grandes rebanhos de bovinos, suínos e caprinos, além de aves. Há ainda indústrias de extração e beneficiamento de madeira (pinus e eucalipto), fábricas de móveis, caixarias, roupas, cosméticos e perfumes. O município está entre as cidades que formam o Caminhos da Neve, que vai de Nova Petrópolis, no Rio Grande do Sul, até Bom Retiro. Suas paisagens belíssimas, avistadas dos morros que a cercam, garantem o sucesso do investimento turístico. Bom Retiro possui três confortáveis hotéis no centro da cidade. Para o turismo rural, a melhor opção é o hotel-fazenda Panelão.

Deixe uma resposta