Ascurra

Ascurra foi fundada em abril de 1963, tem próximo de 7 mil habitantes de origem principalmente de etnia italiana, base econômica na agricultura, localizada a 177 Km de Florianópolis e 83 m de altitude.

O fervor religioso, motivo de rivalidade na época da colonização, ainda é hoje a principal característica de Ascurra.

A religião é um dos aspectos mais marcantes da História de Ascurra, que teve sua colonização iniciada em 1876 por imigrantes italianos, instalados às margens do Ribeirão São Paulo, por determinação de Hermann Blumenau.
Uma das primeiras providências do pioneiro Giovanni Buzzi, o líder da povoação, foi construir a Capela Sagrada Família. O catolicismo fervoroso não impediu, porém, que os colonos italianos entrassem em confronto com franciscanos oriundos do Tirol.

Os frades, vindos da região sob jurisdição da Áustria e inimiga histórica do reino italiano, assumiram a Capela Madona Adorata, de Rodeio, distante apenas 04km de Ascurra. A rivalidade levou a uma “guerra” de construções sacras: os franciscanos ergueram um templo dedicado a São Francisco de Assis, em Rodeio, enquanto os moradores de Ascurra construíram uma capela dedicada a Santo Antônio. A animosidade foi apaziguada somente em 1916, com a mediação dos padres salesianos, que se instalaram ali.

Deixe uma resposta